NR11 – O Que é? Regras Atualizadas | Resumo

NR11

A Norma Regulamentadora 11 (NR11) é uma das normas regulamentadoras estipuladas pelo Ministério do Trabalho e deve ser cumprida por todas as empresas brasileiras. Para saber os detalhes dessa NR e por que ela é tão importante, confira nosso artigo.

O que é a Norma Regulamentadora 11 (NR11)?

A Norma Regulamentadora 11 (NR11) trata de forma específica de todas as regras que envolvem o transporte, movimentação, armazenagem e manuseio de materiais tanto de maneira mecânica quanto manual que é realizada no local de trabalho, seja em grandes indústrias ou ambientes menores.

Objetivos da NR11

O grande objetivo da NR11 é estabelecer requisitos básicos e precisos de segurança a serem adotados pelas empresas e trabalhadores com a finalidade de evitar acidentes e demais infortúnios no local de trabalho. O conjunto de regras dessa norma regulamentadora também contribui para organizar melhor todas as atividades que envolvem a ação de transportar, movimentar, armazenar e manusear materiais.

Em grandes empresas e principalmente nas indústrias há uma série de veículos, máquinas e equipamentos usados nas atividades de transporte e é necessário seguir a norma de segurança NR11 para evitar graves ocorrências como atropelamentos, fraturas, quedas, contusões etc.

7 principais regras da NR11

NR11

Norma 1

1 – De acordo com a NR11, todas as empresas devem manter um registro eletrônico ou físico demonstrando as informações das inspeções periódicas e manutenções realizadas em todos os veículos, máquinas e equipamentos envolvidos nas atividades relacionadas à movimentação, armazenagem e manuseio de materiais.

Norma 2

2 – Depois da inspeção realizada nos elementos ou equipamentos de sustentação é necessário que o profissional responsável emita um “Relatório de Inspeção” com validade anual.

É preciso que o profissional responsável pela inspeção seja legalmente habilitado e apresente a Anotação de Responsabilidade Técnica – ART.

Norma 3

3 – A NR11 estabelece que a circulação de pessoas deve ser interrompida nos períodos de movimentação de cargas.

Norma 4

4 – Com relação ao posicionamento dos cavaletes, é preciso que eles estejam instalados em bases de material impermeável e resistente, garantindo plenas condições de posicionamento e estabilidade. Para obter isso, essas são as principais regras:

  • os pares de cavaletes devem possuir um sistema de amarração ou travamento entre si com o objetivo de dar estabilidade ao equipamento;
  • todos os cavaletes precisam garantir apoio correto para as chapas e ter altura de no mínimo 1,5m;
  • os cavaletes devem ser mantidos em plenas condições de uso que garantam a segurança dos usuários;
  • com relação aos cavaletes verticais, eles precisam ser compostos de seções que tenham largura máxima de 25 centímetros;
  • entre as paredes do local de armazenagem e os cavaletes deve ser observada uma distância mínima de 50 centímetros;
  • os palitos dos cavaletes verticais devem ter alta resistência, garantindo a estabilidade;
  • entre as laterais e os extremos dos cavaletes é necessário garantir um espaço sinalizado de no mínimo 80 centímetros;
  • um cavalete vertical deve apresentar no máximo 6 metros de comprimento.

Norma 5

5 – A NR11 determina que seja feito um dimensionamento adequado de correntes, cintas, cabos de aço e demais acessórios de acordo com as características básicas das cargas que serão movimentadas.

Norma 6

6 – É preciso que as empresas mantenham o piso com superfície firme, regular e antiderrapante, evitando riscos quanto à trepidação de veículos, máquinas e equipamentos.

Norma 7 da NR11

7 – Assim que o trabalhador é admitido na empresa, devem ser fornecidas todas as instruções relacionadas ao cumprimento das normas de segurança quanto ao transporte, movimentação, armazenagem e manuseio de materiais.

Tais informações devem ser transmitidas de maneira facilmente compreensível, o que abrange orientações teóricas e práticas quanto às normas de segurança que devem ser aplicadas. Após esse treinamento, é necessário que a empresa emita um certificado ao empregado, comprovando pleno conhecimento e aptidão para execução das atividades.

Nessa etapa é importante detalhar todos os ambientes e rotinas da empresa, fazendo que o trabalhador esteja totalmente familiarizado quanto às situações de risco e normas adicionais que devem ser cumpridas na área de saúde e segurança do trabalho. A empresa também deve estar atenta à necessidade de exames médicos complementares antes de admitir trabalhadores envolvidos no transporte, movimentação, armazenagem e manuseio de materiais como, por exemplo, audiometria e teste de visão.

Depois de conhecer a NR11, confira aqui no nosso site outras normas regulamentadoras essenciais para empresas e profissionais.

Atenção: esse artigo é apenas um resumo comentado sobre a norma a título de curiosidade. Não nos responsabilizamos por ações tomadas baseadas nesse conteúdo. Para informações exatas, busque o site do governo.

Imagens: primecursos.com.br / russelservicos.com.br